Notícias

Cáritas Regional Minas Gerais: 30 anos semeando o Bem Viver

Cáritas é homenageada pelos seus 30 anos de atuação no estado em cerimônia na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Cerimônia de homenagem pelos 30 anos da Cáritas Regional Minas Gerais, na Assembleia Legislativa.

Em uma noite repleta de emoção, com a presença de agentes Cáritas de diversas regiões do estado, amigos, familiares, pessoas atendidas pelos projetos e parceiros de caminhada, a Cáritas Brasileira Regional Minas Gerais recebeu homenagem da Assembleia Legislativa de Minas Gerais pelos seus 30 anos de ação solidária, no dia 18 de novembro. Requerida pela deputada Leninha (PT–MG) e pelo deputado Professor Cleiton (PSB–MG), a Reunião Especial foi animada pelo cantor e compositor Pereira da Viola, que comoveu a todos com a apresentação de canções de fé, de luta e de comprometimento com as causas sociais.

Missa em Ação de Graças pelos 30 anos da Cáritas Regional Minas Gerais, na Igreja Nossa Senhora de Fátima.

Antes da cerimônia, em um momento de agradecimento a Deus, foi celebrada uma missa em Ação de Graças presidida pelo bispo referencial da Cáritas Minas, dom José Moreira da Silva, na Igreja Nossa Senhora de Fátima, na Praça da Assembleia. As atividades encerraram as comemorações dos 30 anos de trabalho e caminhada junto às pessoas em situação de exclusão e vulnerabilidade social.

A Reunião Especial foi presidida pela deputada Leninha e contou com o deputado André Quintão (PT-MG); o bispo da diocese de Januária e referencial da Cáritas Regional Minas Gerais, dom José Moreira; a representante da Economia Popular Solidária, Francisca Paulina da Silva; o integrante da direção estadual do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), Wagner Vieira Martins; o deputado Professor Cleiton; o secretário regional da Cáritas Minas Gerais, Rodrigo Pires Vieira; e a deputada Andreia de Jesus (PSOL-MG).

Confira AQUI mais fotos da Reunião Especial.

“A Cáritas é de onde eu venho, quem é da Cáritas nunca deixa de ser”, disse Leninha ao iniciar sua fala. A deputada, que já foi presidente da Cáritas da Arquidiocesana de Montes Claros, presidente do conselho da Cáritas Regional Minas Gerais e da diretoria da Cáritas Brasileira, lembrou que este é um momento difícil na história, em que o ódio, a intolerância, o desamor e a falta de compreensão são tão fortes que é preciso fazer lutas para diminuir as desigualdades sociais e também pelo amor. “O papa Francisco diz sempre: fazer caridade. A Cáritas é caridade, é amor e está a serviço da Igreja em saída, que enxerga no pobre a imagem real de Jesus. Uma Igreja que não tem medo, que carrega a esperança como símbolo mais forte e que nos alimenta na luta a cada dia na sociedade”, anunciou.

Assista AQUI como foi a cerimônia de homenagem aos 30 anos da Cáritas Regional Minas Gerais.

Deputada Leninha e deputado Professor Cleiton entregam placa de homenagem ao secretário regional da Cáritas Minas Gerais, Rodrigo Pires.

O secretário regional da Cáritas Minas Gerais, Rodrigo Pires, externou a alegria em receber homenagem dos 30 anos da entidade na Assembleia Legislativa, que é a casa do povo. Rodrigo destacou que a solidariedade faz parte da identidade da Cáritas, cuja ação busca a construção de uma sociedade mais justa, com novos valores e princípios econômicos, sociais, ambientais, culturais e políticos, inspirada no conceito de Bem Viver. “Semeamos o Bem Viver nesses 30 anos, na partilha e na solidariedade com as lutas por: terra, água, pão, teto, moradia, educação popular, luta antimanicomial, agroecologia, da convivência com o semiárido, da assistência social, do povo de rua, dos direitos humanos, dos catadores, dos atingidos pela mineração… lutas pela vida”, explicou Rodrigo.

O deputado Professor Cleiton lembrou que em viagem à Uganda, em 2014, encontrou agentes da Cáritas fazendo a diferença na vida de muitas pessoas que viviam uma situação de miséria e perda de dignidade. “Naquele momento, me lembrei a graça de termos a Cáritas aqui no estado de Minas Gerais, que tanto fez na minha história que venho das pastorais sociais”, recordou. O deputado encerrou sua fala saudando a entidade e convocando todos a atender o chamado de papa Francisco: “Vida longa à Cáritas! E ao papel de colocarmos em prática a geopolítica da misericórdia de Francisco contra tudo que é contrário àquilo que Jesus sonhou, que propôs nas bem-aventuranças e na construção do verdadeiro Reino de Deus”.

Por Lívia Bacelete, comunicadora popular da Cáritas Regional Minas Gerais
Fotos destaque, 1 e 3: Ricardo Barbosa/ALMG
Foto 2: Francielle Oliveira, comunicadora popular da Cáritas Regional Minas Gerais

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

.